terça-feira, 28 de novembro de 2017

Principais dificuldades durante o crescimento da criança com paralisia cerebral

Durante o crescimento da criança com deficiência, várias etapas apresentam dúvidas, apreensão e muitas vezes a família se sente perdida. Vamos falar sobre algumas dessas fases e possíveis soluções:
• Transição do carrinho de bebê para a cadeira de rodas.
Problema: O bebê cresce e o carrinho não serve mais.
Possível solução: O correto é começar o uso da cadeira de rodas o quanto antes. O uso precoce da cadeira pode prevenir uma série de problemas ortopédicos futuros. Usar uma cadeira de rodas nem sempre significa que a criança não vai andar!
• Problema: as fraldas de bebê não servem mais.
Possível solução: A maior fralda de bebês nacional é a Pompom grandinhos, existem algumas marcas importadas em tamanho maior que são encontradas em algumas regiões do Brasil. As fraldas para adultos em tamanho P podem ser indicadas também. As marcas Tena e Bigfral são as mais conhecidas.
• Problema: a criança está em idade escolar e não frequenta a escola.
Possível solução: Sabemos o quanto é difícil encontrar escolas regulares que façam um trabalho adequado de inclusão ou mesmo que aceitem a criança com deficiência. A Lei Brasileira de Inclusão assegura o direito da criança à escola, pode dar trabalho, mas é necessário correr atrás dos direitos da criança. Enquanto a escola não estiver decidida, é possível encontrar uma escola especial ou mesmo conversar com os terapeutas para que um plano de estimulação cognitiva seja feito.
• Problema: meu filho não ganha peso
Possível solução: Se todas as tentativas de estimulação orofacial com o Fonoaudiólogo já tiverem sido feitas e, tanto os médicos quanto os terapeutas indicarem a gastrostomia, é porque o procedimento pode ajudar a criança globalmente, com aporte nutricional, hidratação e ganho de peso para melhor desempenho nas terapias, na escola e nas atividades do dia-a-dia.
• Problema: meu filho não dorme
Possível solução: Conversar com médicos e terapeutas para que haja orientação quanto às possibilidades para resolução dos problemas. Há algumas opções: medicação, melatonina, terapia crânio-sacral, controle da espasticidade e do refluxo, porém, tudo deve ser feito com orientação médica.
• Problema: Meu filho não cabe mais na cadeira do carro.
Possível solução: Existem carros (com isenção de impostos) que podem ser adaptados para transportar a criança junto com a cadeira de rodas. Há também cintos que são colocados na poltrona e cadeiras de crianças que podem ser adaptadas.
• Problema: A banheira de bebê não serve mais.
Possível solução: Existem banheiras específicas para crianças e adultos com deficiência. Há opções de acordo com o tamanho da criança, peso e necessidade de suportes/apoios. O Terapeuta Ocupacional é o profissional que orienta o modelo adequado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...